Professor admite abusar de menina de 11 anos, no banheiro do parque e afirma “estresse no trabalho”

A Polícia Metropolitana de Tóquio prendeu um professor do ensino médio por suposta moléstia de uma menina de 11 anos dentro de um banheiro no parque no mês passado, informa o Sankei Shimbun.
Por volta das 17:00 em 12 de maio, Kazuto Kondo, um professor de uma escola particular na Ala Katsushika, supostamente acariciou o peito e parte inferior do corpo da menina, uma estudante do sexto ano do ensino fundamental, dentro de uma cabine de banheiro feminino localizado em um parque.

Kondo, que foi acusado de agressão indecente, admite as acusações. “Devido ao estresse relacionado ao trabalho, não consegui controlar meu desejo sexual”, o suspeito foi citado pela Delegacia de Polícia de Kameari.

Segundo a polícia, o suspeito não está familiarizado com a vítima. Depois que o suspeito encontrou a vítima e sua amiga no parque, eles começaram a brincar de esconde-esconde, com o banheiro sendo um dos locais do jogo.

A vítima fugiu do banheiro e relatou o caso a um dos pais de sua amiga, que morava nas proximidades. O pai então alertou a polícia.

Kondo foi detido depois que a polícia examinou imagens de câmera de segurança tomadas no parque.

Facebook Comments

2 comentários em “Professor admite abusar de menina de 11 anos, no banheiro do parque e afirma “estresse no trabalho”

    • 12 de junho de 2019 em 21:13
      Permalink

      The information is in the post, just click … If you get more information I’ll post it here! Thank you Iron for participating !!!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *